INSS Prepara-se Para Retoma dos Serviços em Palma e Mocímboa da Praia

INSS Prepara-se Para Retoma dos Serviços em Palma e Mocímboa da Praia

Já foi lido 128vezes!

A delegação do Instituto Nacional de Segurança Social (INSS), em Cabo Delgado, pretende retomar, brevemente os seus serviços nas zonas anteriormente afectadas pelo terrorismo, na sequência da restauração da tranquilidade naquela província do norte de Moçambique.

O regresso à normalidade deve-se ao trabalho realizado pelas forças de defesa e segurança, particularmente nos distritos de Mocímboa da Praia e de Palma.

Um comunicado de imprensa do INSS revela que uma equipa da instituição, encabeçada pelo respectivo delegado provincial, Chomar Selemane, trabalhou na região, durante a semana passada, para apurar a realidade no terreno. A equipe também manteve encontros com as autoridades locais.

Na ocasião, segundo a nota, a equipa recebeu garantias de apoio ao INSS no restabelecimento dos seus serviços, após a conclusão dos preparativos.

“Em Palma, a equipa foi recebida pelo administrador do distrito, João Buchile, a quem solicitou um espaço para o funcionamento dos serviços do INSS, enquanto decorrem os trabalhos de construção das futuras instalações”, refere o documento.

A visita também tinha por objectivo aferir as condições para o lançamento da primeira pedra para a construção da Delegação Distrital do INSS de Palma”, acrescenta.

Buchile enalteceu os passos que estão sendo dados pelo INSS para a retoma dos seus serviços em Palma, considerando, pois irá relançar o desenvolvimento daquele distrito, bem como aliviar o sofrimento dos utentes, que percorriam vários quilómetros à procura de atendimento.

“Prontamente, o administrador de Palma disponibilizou uma casa Tipo-3 para o funcionamento dos serviços do INSS, facto que mereceu um agradecimento do delegado provincial, que garantiu para breve a retoma das actividades interrompidas naquela zona, há cerca de um ano.

Para além de Palma, os serviços do INSS, irão contemplar, igualmente, os distritos de Mocímboa da Praia, Mueda e Muidumbe.

Ainda em Palma, a equipa do INSS manteve um encontro com o presidente da Associação Compromisso Comércio, Jamuhuri Ali, que se dedica ao comércio de peixe, a retalho, crustáceos e moluscos, para convidar o grupo que representa a participar na sensibilização dos seus membros e outros trabalhadores a aderirem ao sistema de segurança social, bem como na identificação dos pontos de maior concentração de pescadores.

O distrito tem quatro conselhos consultivos de pesca (CCP), nomeadamente em Quionga, Quirinde, Olumbe e na sede distrital.

Até Dezembro de 2021, o distrito de Palma contava com 110 contribuintes (empresas), 4.615 beneficiários (trabalhadores), 13 trabalhadores por conta própria (TCP), quatro na manutenção voluntária no sistema (MVS) e mais de 40 pensionistas, dentre eles os de velhice, invalidez e sobrevivência.

No distrito de Mocímboa da Praia, onde as instalações do INSS estão em estado avançado de degradação, a brigada foi recebida pelo secretário permanente distrital, João Saraiva, com o mesmo propósito, tendo visitado os terrenos já reservados para a construção das futuras instalações onde funcionará a Delegação Distrital do INSS, assim como a residência do respectivo delegado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

pt_PT