BAD Introduz Tecnologia de Monitoria Remota à Projectos

BAD Introduz Tecnologia de Monitoria Remota à Projectos

Já foi lido 690vezes!

O Banco Africano para o Desenvolvimento (BAD) introduziu em Moçambique o sistema de supervisão remota aos projectos de desenvolvimento que financia em diferentes pontos do país.


A iniciativa visa assegurar maior controlo e acompanhamento das actividades num contexto marcado por restrições de viagens, criando maior eficiência e impacto na monitoria e avaliação que o BAD sempre fez.


A iniciativa, denominada “RASME”, é uma ferramenta que utiliza novas tecnologias de informação e comunicação (TIC) para optimizar a recolha, análise e gestão de dados, no âmbito da preparação, avaliação e supervisão de projectos financiados por aquela instituição bancária africana.


O lançamento da iniciativa ocorreu hoje, em Maputo, pelo Representante residente do Banco Africano de Desenvolvimento em Moçambique, César Augusto Abogo, que apontou as vantagens do sistema na monitoria e avaliação dos projectos financiados.


“O objectivo é melhorar a forma como era feito o acompanhamento dos programas em curso. Esta plataforma será colocada à disposição de todos os interessados tanto do banco como dos departamentos governamentais envolvidos nos projectos do Banco”, disse.


Segundo a fonte do BAD, Moçambique foi seleccionado como país piloto para a implementação da iniciativa, e espera-se que os resultados e a experiência a serem colhidos em todas as áreas de intervenção, nomeadamente no sector de infra-estruturas, agricultura, energia, entre outros, possam ser utilizados em outros pontos do continente.


“A iniciativa vai alterar completamente a forma de trabalhar, mas numa perspectiva de maior eficiência”, vincou.


Para a colecta de dados e informações será utilizada a ciência de satélites, uso de smartphones, entre outras formas que o banco elenca como eficazes para a materialização do projecto e criação de um banco de dados a nível central do BAD.


Refira-se que actualmente o BAD financia cerca de 36 projectos em todo país, avaliados em mais de um bilhão de dólares norte-americanos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

pt_PT