Sector do Turismo Define Mecanismos de Revitalização Económica

Sector do Turismo Define Mecanismos de Revitalização Económica

Já foi lido 182vezes!

A Confederação das Associações Económicas (CTA), através do Pelouro de Turismo, Hotelaria e Restauração vai implementar mecanismos de apoio às empresas fortemente afectadas pela COVID-19 para revitalizar a cadeia de valores do sector.

As medidas foram anunciadas hoje, em Maputo, pelo presidente do Pelouro de Turismo, Hotelaria e Restauração, Muhamad Abdullah, em reacção ao alívio das restrições preventivas impostas no âmbito da COVID-19, decretado, quarta-feira (16), pelo Governo moçambicano.

“Estamos focados na criação e implementação de mecanismos de apoio para a retoma das empresas, materializando fundamentalmente os sei pontos chaves, baseados na recuperação das empresas, implementação de vistos online, atrair grandes conferências, promover o turismo através das plataformas digitais, melhorar as estâncias e intensificar o turismo nos lugares de eleição, Maputo, Vilanculos, Chimanimani”, explicou.

Segundo a fonte, durante a paralisação das actividades, o sector do turismo esteve na linha da frente como um dos mais afectados.

“Incentivar a retoma passa necessariamente por privilegiar o diálogo com o Estado no sentido de aliviar as cargas fiscais para as empresas do ramo. Temos que encontrar junto do Governo e das instituições financeiras formas de capacitar as empresas, através da disponibilização de crédito para impulsionar o turismo”, garantiu.

Reagindo a onda de sequestros aos empresários que tem vindo a intensificar, principalmente na capital do país, sobrepondo desafios ao sector do turismo, Abdullah referiu que o CTA tem colaborado com o Ministério do Interior para a reposição da ordem.

“Os raptos aos empresários e as incidências de ataques terroristas que têm gerado um clima de instabilidade no sector empresarial constituem preocupação, pois, enfraquecem investimentos a nível do sector apesar do relaxamento das medidas restritivas”, frisou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

pt_PT