Índia Financia Sistema de Abastecimento de Água em Mueda

Índia Financia Sistema de Abastecimento de Água em Mueda

Já foi lido 120vezes!

O Governo Indiano comprometeu-se hoje a desembolsar 10 milhões de dólares americanos para viabilizar o projecto da instalação de um sistema de abastecimento de água potável para o consumo humano no distrito de Mueda, na província de Cabo Delgado, norte de Moçambique.

Para o efeito, ambos os governos assinaram hoje, em Maputo, um memorando de entendimento. Assinaram o acordo, a Ministra dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, Verónica Macamo, em nome do governo moçambicano e o Alto-Comissário da República da Índia acreditado em Moçambique, Ankan Banerjee.

O novo sistema vai reforçar a provisão do precioso líquido aos residentes de Mueda, cuja população está estimada em mais de 100 mil habitantes.

“O memorando assinado hoje constitui um enorme contributo para a vida da população da província de Cabo Delgado, em particular o distrito de Mueda, área de enfoque do projecto, que passará a ter abundância de água potável para consumo”, disse.

Mueda é um dos distritos mais afectados pelos recentes ataques terroristas e debate-se com o crónico problema da falta de água potável, o que contribui para a fraca qualidade de vida da população.

“O Governo de Moçambique, no presente ciclo de governação definiu, no seu Plano Quinquenal 2020-2024, como uma das prioridades, o incremento da cobertura dos serviços de abastecimento de água às populações urbanas e peri-urbanas, destacou.

Reiterou que “com este nível de parceria alcançada pelos nossos dois países, Moçambique conseguirá lograr o sonho de prover melhores condições de vida para o seu povo”.

Por sua vez, Ankan Banerjee, considera que o projecto vai complementar a intervenção do governo moçambicano na reconstrução de infra-estruturas destruídas pelos grupos terroristas e extremistas na região norte.

“O acesso a água potável é uma componente crucial para o desenvolvimento e inclusão socioeconómico e constitui um direito humano. Portanto, é compromisso do governo promover projectos de fornecimento de água, de modo a aliviar o sofrimento da população ”, declarou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

pt_PT