Autocarros Movidos a Gás Chegam em Dezembro

Autocarros Movidos a Gás Chegam em Dezembro

Já foi lido 132vezes!

A produção dos 80 autocarros, movidos a gás natural, adquiridos pela Agência Metropolitana de Transportes de Maputo (AMT), na capital moçambicana, num valor total de 3,5 milhões de dólares norte-americanos, já foi concluída.

A AMT prevê que os autocarros, já com cablagem montada, sejam transportados da China e cheguem ao país em Dezembro para a subsequente colocação do sistema de bilhética electrónica.

Os 80 autocarros correspondem à primeira fase do projecto, de uma frota prevista de mil, para os próximos cinco anos, em todo o país.

Segundo o administrador técnico da AMT, Armando Bembele, citado hoje pelo “Notícias”, o uso deste sistema vai reduzir o custo operacional do transporte, uma vez que o gás natural é 50 por cento menos dispendioso em relação aos combustíveis convencionais.

Bembele alertou que esta redução não vai implicar a diminuição da tarifa do transporte, pois as taxas actuais, definidas em 2017, estão desajustadas da realidade. “Pressupõe-se a massificação, daqui há alguns anos, do uso do gás em prospecção no país”, acrescentou.

Os autocarros também vão permitir a abertura de novas rotas na área metropolitana do Grande Maputo, que inclui as cidades da Matola e Maputo, e as vilas de Boane e Marracuene, para além de Namaacha, Bobole, Manhiça e Magude, na província meridional de Maputo.

Além de flexibilizar a mobilidade urbana, espera-se que com estes novos veículos haja uma redução na emissão de gases poluentes.

O projecto resulta de um memorando de entendimento entre a AMT e actores do sector privado para promover o uso do gás natural veicular.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

pt_PT