Energia Eléctrica de Qualidade Chega Próximo Mês a Vilankulo

Energia Eléctrica de Qualidade Chega Próximo Mês a Vilankulo

Já foi lido 118vezes!

As constantes oscilações e interrupções no fornecimento de energia eléctrica no norte da província meridional de Inhambane e no Sul da de central de Sofala, em Moçambique, poderão terminar até finais de Novembro, com a conclusão de construção de três subestações cujas obras se encontram na fase final.

Com efeito, o Governo, através da empresa pública Electricidade de Moçambique (EDM), investiu cerca de 40 milhões de dólares norte-americanos financiados pela Suécia, e está a instalar as três infra-estruturas, sendo Temane, no distrito de Inhassoro, e em Vilankulo, na província de Inhambane, e em Chibabava, na província de Sofala.

Além destas infra-estruturas, cujos trabalhos electro-mecânicos já foram concluídos na subestação de Temane, fazem parte do mesmo pacote do projecto duas linhas de transmissão, sendo 239 quilómetros da linha de alta tensão e 187 de baixa tensão, ambas conectadas à subestação de Temane e 91 postos de transformação.

Com a entrada em funcionamento das três subestações erguidas no âmbito da implementação do projecto “Energia para Todos”, será reforçada a capacidade de fornecimento de energia eléctrica de qualidade em cinco distritos, nomeadamente Chibabava e Machanga, na província de Sofala, e Govuro, Inhassoro e Vilankulo, em Inhambane, e serão efectuadas pouco mais de 10 mil novas ligações das quais, cerca de 750 já foram realizadas.

No distrito de Vilankulo será igualmente melhorada a qualidade de energia fornecida à sede do posto administrativo de Mapinhane, em Vilankulo, e outras localidades ao longo da Estrada Nacional Número Um (EN1).

Segundo o “Notícias”, com a conclusão das obras em curso, visitadas recentemente pelo Ministro dos Recursos Minerais e Energia, Ernesto Max Tonela, a cidade turística de Vilankulo e a vila de Inhassoro terão a actividade turística dinamizada, numa altura em que procura recuperar das perdas causadas nos últimos tempos pela pandemia da Covid-19, que de forma severa afectou este sector considerado vital na província de Inhambane.

O jornal diz que Max Tonela manifestou satisfação pelo nível de execução das obras na província de Inhambane e garantiu que o Governo está a trabalhar para que o norte de Inhambane passe a quadra festiva que se avizinha com uma garantia de que as oscilações ou interrupções de energia eléctrica já passaram para história.

O governante disse na ocasião que os investimentos que estão a ser feitos visam permitir a expansão destes serviços para impulsionar a industrialização rural, criando condições para o relançamento e consolidação da actividade turística, além de impulsionar o agro-processamento no âmbito de aproveitamento dos recursos locais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

pt_PT