Perdas da Aviação Civil Atingem 78 Milhões de Dólares dos Estados Unidos

Perdas da Aviação Civil Atingem 78 Milhões de Dólares dos Estados Unidos

Já foi lido 156vezes!

Os operadores e prestadores de serviços do sector da aviação civil de Moçambique registaram perdas financeiras de 78 milhões de dólares americanos em 2020, na sequência do forte impacto da pandemia Covid-19, o Ministro dos Transportes e Comunicações, Janfar Abdulai disse, de acordo com uma reportagem publicada na edição de terça-feira do diário de Maputo “Noticias”.

Na cerimónia de encerramento do 39º Conselho Coordenador do seu Ministério na estância turística realizado no Bilene, na província de Gaza, Abdulai disse que na sequência da reabertura da economia, o Instituto de Aviação Civil de Moçambique (IACM), entidade reguladora, deverá liderar a recuperação da aviação civil, propondo medidas e políticas que dinamizem o setor e devolvam a confiança.

“A aviação civil é uma parte importante do sector de transportes, gravemente afectada pela pandemia, com perdas financeiras superiores a cinco mil milhões de meticais em 2020,” disse. Ele acrescentou que as obras, destinadas a restaurar a saúde da economia, levaram a perspectivas de mercado encorajadoras para a aviação civil no primeiro semestre de 2021.

Em setembro, a transportadora francesa “Air France” confirmou a ligação Paris-Maputo, duas vezes por semana. A South African Airways (SAA) também confirmou a retoma dos seus voos, ligando inicialmente Joanesburgo, o centro comercial, a seis cidades da África Austral, incluindo Maputo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

pt_PT