A Literatura como uma Ferramenta de Intervenção Social

A Literatura como uma Ferramenta de Intervenção Social

Já foi lido 163vezes!

Este é um dos principais sonhos de Sandra Serafim Uamusse, escritora moçambicana, que já há cerca de 8 anos vem contribuindo para as artes literárias do nosso país.

Licenciada em Tradução e Interpretação Português-Francês pela Universidade Eduardo Mondlane, vai alternando entre os momentos em que há inspiração para trazer ao papel os sentimentos e a criatividade, e a pedagogia, uma vez que a Sandra também é professora.

A autora do romance ″As Loucuras da Sasewa″ conta que começou a carreira de escritora primeiro escrevendo poemas, depois declamando os mesmos, e passado algum tempo, mudou o género.

″Não sei responder ao certo o que despertou a paixão pela literatura, mas creio que sempre esteve dentro de mim, e o facto de ter começado a escrever poemas, isto ajudou a desenrolar o dom e crescer″, disse a Sandra.

Sobre o romance lançado em junho do ano passado, Sandra conta que cingiu-se a plataforma online porque não haviam condições financeiras para que o lançamento fosse feito em formato físico.

E que conseguiu vender alguns livros no início mas ultimamente não tem trabalhado muito nas suas páginas online, acessíveis no facebook e no youtube pesquisando Sasewa.

″Apesar de ter outras obras avançadas, pretendo terminar o processo da primeira obra, fazendo o lançamento do mesmo no formato físico″, acrescentou a Sandra.

″Escrevo sem saber o fim; tudo que acontece durante a história, também é surpresa para mim″, contou a Sandra, explicando que quando começou a escrever o romance achou que seria mais uma história breve, e não imaginava que pudesse crescer.  

Focada em histórias de amor, Sandra entrega-se à imaginação e flui com os pensamentos que lhe ocorrem no momento. No entanto, tenta não ir para além das coisas susceptíveis a ocorrer na nossa sociedade, uma vez que pretende deixar sempre um ensinamento para os adolescentes, jovens, pais e filhos.

Sandra tem nos testemunhos dos leitores após a leitura da obra, a sua maior satisfação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

pt_PT