Participação de Moçambique no gaseduto da Sasol será financiado por fundo Sul-africano

Participação de Moçambique no gaseduto da Sasol será financiado por fundo Sul-africano

Já foi lido 154vezes!

Trata-se do Gasoduto que liga as jazidas de gás de Inhambane, Pande e Temane até à Africa do Sul. Que segundo referiu em nota de imprensa a Empresa Nacional de Hidrocarbonetos, a sua aquisição de quota está avaliada em mais ou menos quatro mil milhões de randes.

Esta acção é levada a cabo pela Companhia Moçambicana de Gás e pela companhia sul-africana  de gás no âmbito do exercício do direito de preferência na compra de aquisições detidas pela companhia sul-africana Sasol. Portanto, foi anunciado pelas companhias dos dois países envolvidos a pretenção de comprar 30% do Gaseduto que transporta gás de Moçamique para Africa do sul.

Importa referir que segundo o Ministro dos Recursos Minerais e Energia, Max Tonela esta decisão foi tomada depois de uma avaliação de várias possibilidades de financiamento apresentadas por instituições bancárias, tratando-se de uma opção que não implicará nenhuma responsabilidade adicional sobre a Empresa de Nacional de Hidrocarbonetos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

pt_PT